Guia Completo de Google Ads: vale a pena anunciar sua Associação de Proteção Veicular?

Guia Completo de Google Ads: vale a pena anunciar sua Associação de Proteção Veicular?

Anunciar no Google Ads: sim ou não?

Se você tem essa dúvida e quer entender por que investir no Google Ads da sua Associação de Proteção Veicular, é hora de saber tudo o que precisa sobre esse recurso. 

Antes de mais nada, você precisa saber que anunciar no Google Ads pode trazer novos associados para sua Associação de Proteção Veicular. O melhor de tudo é que traz as pessoas certas, com chances reais de fechar uma adesão. 

Há muito o que falar sobre Google Ads e suas vantagens. Por isso, juntamos neste artigo as informações essenciais para que você conheça a ferramenta e saiba como criar campanhas de sucesso para sua Associação. 

Aproveite as dicas!

Devo anunciar no google ads?

O que é o Google Ads?

Google Ads é a plataforma de publicidade do Google. Por meio desse serviço, empresas e profissionais anunciam seus produtos e serviços no buscador mais famoso do mundo. 

Sabe quando você pesquisa algo no Google e aparecem os primeiros resultados com o marcador de “anúncio”? Pois é, são os famosos “links patrocinados”, ou “tráfego pago”. 

Agora que você já sabe o que é essa ferramenta do Google, vamos te contar por que anunciar no Google Ads da sua Associação

Por que anunciar no Google Ads: os benefícios de colocar sua Associação em destaque no Google

O primeiro motivo para investir em tráfego pago já contamos no título do tópico: para ter destaque, mais visibilidade

Além dessa, podemos considerar também:

  • a possibilidade de captar leads em grande escala;
  • os resultados são mais rápidos do que tráfego orgânico;
  • seus concorrentes anunciam no Google;
  • a chance de aumentar o reconhecimento de sua Associação de Proteção Veicular;
  • sua Associação consegue alcançar o público certo no momento certo;
  • sua Associação anuncia para quem realmente tem interesse em proteção veicular.

Há ainda muitas outras vantagens, mas essas que citamos já conseguem mostrar por que sua Associação deve anunciar no Google Ads

Em dúvida sobre anunciar no google ads?

Como anunciar no Google Ads: um passo a passo descomplicado e campeão!

Agora que você já sabe por que anunciar no Google Ads da sua Associação, precisa saber como fazer isso.

Para ajudar, montamos um passo a passo campeão e simplificado, para que você tenha uma ideia inicial do que é necessário para criar uma campanha no Google Ads:

1° – Acesse a plataforma

Com uma conta no Google, faça o login no Google Ads e clique em “Nova campanha”, a seguir selecione a meta, que é o que você espera como resultado do anúncio.

Acesse a plataforma do google ads

Assim que definir a meta, abrirá uma nova janela, para que você defina o tipo de campanha. Há seis tipos:

  • Redes de pesquisa: são os anúncios que aparecem acima dos resultados orgânicos quando alguém pesquisa sobre algo no Google;
  • Redes de display: estes anúncios têm pequenos banners ou imagens;
  • Shopping: são os anúncios de produtos específicos, com o preço do item em lojas diversas;
  • Vídeo: são os que aparecem antes de outros vídeos no YouTube;
  • Discovery: exibe anúncios no Gmail, YouTube, Discovery e outros;
  • Smart: é o tipo de anúncio otimizado pelo Google, você apenas dá algumas informações essenciais e a plataforma faz o resto.
Qual tipo de campanha no google ads?

2° – Meta e nome da campanha

Na sequência indique como você quer alcançar a meta e dê um nome para a campanha:

qual a meta e o nome da campanha no google ads?

3° – Defina o orçamento e o tipo de lance

Indique o valor que você quer investir por dia. Aqui é importante saber que o Google Ads não vai usar exatamente o valor indicado, pode ser um pouco mais ou um pouco menos. No entanto, não vai ultrapassar o valor máximo mensal. 

O lance é o valor mais alto que você quer pagar por um clique no anúncio de sua Associação de Proteção Veicular. O valor do lance impacta na classificação de seu anúncio. Você indica qual a métrica: valor da conversão, impressões, cliques etc. Conforme o que você escolher, será a estratégia selecionada pelo Google Ads: CPC (custo por clique), CPM (custo por mil impressões) etc. 

Caso ache um pouco complicada esta parte, pode deixar que o Google Ads definirá automaticamente o lance. Essa pode ser uma boa estratégia nas primeiras campanhas, até que você saiba bem como fazer a opção. 

defina o orçamento no google ads

4° – Segmente: para quem seu anúncio irá aparecer

Selecione os locais onde quer que seu anúncio apareça (podem ser países, regiões ou cidades específicas), o idioma e o público-alvo. No item público-alvo é possível procurar por informações demográficas detalhadas, além de interesses e como os potenciais associados interagem com a sua marca.

segmentar no google ads

5° – Defina a palavra-chave para qual seu anúncio deverá aparecer

Insira as palavras-chave que quer impulsionar. Elas devem ser relacionadas ao seu produto ou serviço e normalmente as mais buscadas. Não esqueça que as palavras-chave são fundamentais para o sucesso da campanha. 

As palavras-chave são termos compostos de uma ou mais palavras, que o usuário usa para pesquisar determinado assunto nos buscadores. Em relação à sua associação, por exemplo, os potenciais associados podem chegar até ela pesquisando por palavras-chave como:

  • proteção veicular
  • cotação para proteção veicular
  • associação de proteção veicular
  • como contratar proteção veicular; dentre outras.

Onde encontrar as melhores palavras chaves para seu anúncio

As palavras-chave podem ser encontradas no: Google Trends, em ferramentas específicas, como o Ahrefs, Uber Suggest e SemRush e no próprio planejador de palavras-chave do Google Ads.

Em breve te ajudaremos com algumas dicas de palavras-chaves!

Passo 6: Escreva o conteúdo do anúncio 

Na sequência, escreva o anúncio: o conteúdo do anúncio precisa ser criativo, ter a palavra-chave e chamar a atenção do leitor. Por isso, capriche nesta parte. Sempre coloque o link para uma página que tenha a ver com o anúncio e capte potenciais associados como nunca antes! 

Aliás, você pode anunciar no Google Ads e impulsionar hotlinks de seus consultores. 

Inclusive, alguns softwares, como o Power CRM, solução em gestão de Associação de Proteção Veicular, tem uma landing page integrada para uso com os hotlinks. Dessa forma, você não precisa nem se preocupar em criar a peça. 

palavras chaves no google ads

7º – Adicione extensões

Coloque extensões de sitelinks, que são informações importantes sobre sua empresa e também links para onde você quer direcionar seu público-alvo.

extensões de sitelinks no google ads

Depois disso, é hora de revisar o anúncio. Caso tenha algo errado, o sistema apontará. Assim que as alterações forem feitas, passará por uma nova revisão, e assim vai até que esteja tudo certo.

Para finalizar, é hora do pagamento. Nesta etapa você informa o CNPJ de sua Associação, endereço, escolha como pagar — cartão de crédito ou boleto — e pronto!

Seu anúncio vai para análise e após aprovado, você recebe um email informando que ele já está no ar. 

sua associação de proteção veicular em outro patamar

5 Dicas matadoras para criar um anúncio e destacar sua Associação de Proteção Veicular no Google Ads

É preciso ter alguns cuidados para criar os anúncios de sua Associação. No entanto, com esta dicas que separamos, seus anúncios ficarão ótimos. 

Veja:

1. Tire bastante proveito da segmentação

O segredo é saber como criar campanhas que atinjam o público certo no momento certo. A boa notícia é que o Google Ads permite segmentar detalhadamente. Então, muita atenção na hora de fazer essa segmentação. 

2. Não repita palavras-chave

A própria plataforma orienta que não se use palavras-chaves repetidas. Quando repetidas, concorrem entre si, e essa competição interna de palavras-chave pode comprometer o resultado da campanha.

3. Não esqueça das palavras-chave negativas

É possível indicar ao Google Ads as palavras-chave negativas, que também podem comprometer sua campanha. 

Exemplo: nas campanhas de sua associação você pode negativar “seguro de carro”, “seguro de veículos” etc. Dessa forma, poderá usar o termo “seguro”, de “segurança”, sem que seja confundido com seguro veicular e você desperdice seus cliques. 

4. Diversifique os criativos

Não use por muito tempo o mesmo formato. Experimente outros textos, sempre usando a criatividade para chamar a atenção de seu potencial associado e as otimizações para que crie um bom anúncio.

5. Não esqueça da palavra-chave

Use a palavra-chave no anúncio. Ela foi escolhida estrategicamente exatamente para fazer seu anúncio bombar! Pode utilizá-la no título e na descrição. 

Uma dica: defina algumas palavras-chave para serem trabalhadas de forma orgânica em cada página de seu site. Essas mesmas palavras-chave podem ser usadas em seus anúncios do Google Ads. Quando utilizá-las, poderá direcionar os links dos anúncios às páginas com as palavras-chave que trabalha organicamente. O usuário que clicar em seu anúncio, será recepcionado por informações relevantes e super relacionadas com o que está buscando! 

Esperamos que tenha gostado do conteúdo e saiba por que investir no Google Ads da sua Associação é importante

Aliás, uma dica bônus: que tal aproveitar as funcionalidades do Power CRM para a sua Associação de Proteção Veicular? 

Com campanhas de sucesso e um CRM poderoso, sua Associação vai voar! Indique o Power CRM para o Presidente de sua Associação e marque uma apresentação. Dê esse passo e se prepare para resultados surpreendentes!

Da cotação ao SGA: devo automatizar as captações da minha Associação de Proteção Veicular?

Da cotação ao SGA: devo automatizar as captações da minha Associação de Proteção Veicular?

Você sabe que a automatização de captações de associados pode levar sua associação de proteção veicular a outro patamar? Pois é!

A transformação digital é uma realidade nos negócios. Dessa forma, não acompanhá-la compromete bastante a vantagem competitiva de sua associação de proteção veicular no mercado. 

Por isso, é preciso ter em mente que processos automatizados podem resultar em economia significativa de tempo e  recursos. Além disso, agilizam a jornada de compra do potencial associado, o direcionando à adesão.

Para isso, foi desenvolvido o Power CRM. Em síntese, com este software, sua associação automatiza da cotação à vistoria e garante bons resultados  — tanto na agilidade das tarefas do negócio quanto no aumento do número de associados, dentre outros.

Entenda como isso pode acontecer. Fizemos um apanhado de informações sobre as funcionalidades do Power CRM. Assim, você descobre o poder da ferramenta que tem nas mãos e como a automatização de captações de associados facilita o dia a dia dos consultores.

Por que a automatização de captações de associados pode revolucionar o setor comercial de sua associação de proteção veicular?

O Power CRM vai acelerar seu processo de automatização de captações de associados. Mas não somente isso! Veja por que essa automatização vai revolucionar o setor comercial de sua associação:

1. Envio de cotações totalmente automatizado, personalizado e em menos de 1 minuto

O envio de cotações é todo automatizado e adaptável às necessidades do futuro associado. Assim, é possível criar um pacote personalizado, com opcionais pré-selecionados. 

Além disso, é possível perceber em que faixa de plano o potencial associado se encaixa e adaptar, deixando um valor mais acessível e evitando uma negativa e direcionando a negociação a um potencial fechamento de adesão. 

Outra possibilidade é de já enviar um comparativo de planos, assim fica mais fácil de o associado decidir o plano que contempla melhor o que ele busca.

2. O acompanhamento da jornada de captação facilita o fechamento de adesão

Se seu time comercial tem dificuldades ou não sabe como fechar uma adesão, isso se tornará mais fácil ou mais intuitivo, pois pelo funil de vendas se pode acompanhar em que etapa o potencial associado está. 

A partir disso, se pode conduzi-lo pela jornada, até que ele se sinta preparado para fechar uma adesão.

3. Gestor ligado às necessidades do time comercial

O gestor consegue acompanhar o andamento das negociações por cada consultor e, dessa forma, pode dar uma atenção a quem está mais devagar em relação às metas e ajudar no processo.

Muitas vezes, o que o consultor precisa é uma dica sobre  como fechar uma adesão ou tem alguma dúvida sobre como abordar o associado. Por isso, como o gestor acompanha, ele pode identificar que o consultor precisa de um auxílio. Dessa forma, sendo o líder que é, dá as orientações e motivações certas para seu consultor. 

4. Tabelas de preços personalizadas

Como disponibilizar uma tabela de preços que considere as especificidades de cada estado brasileiro e também de cada modelo de veículo? 

Sim, porque há regiões em que os carros usados são mais baratos que em outras. A região sul, por exemplo, tem carros usados mais caros que São Paulo. 

Outro exemplo são os carros de cidades litorâneas, que são um pouco mais desvalorizados por causa da salinidade. Então, como ter uma tabela considerando tudo isso? Com o Power CRM!

O software permite que se configurem tabelas de preços para as diferentes regiões do país, de acordo com as especificidades dessas regiões.

5. Vistoria ágil e feita por intermédio do próprio Power CRM

A vistoria do veículo pode ser solicitada por intermédio do próprio software. Isso acontece por meio de uma integração com um aplicativo de vistoria chamado APP VISTO. Da mesma forma, o acompanhamento e aprovação dessa vistoria também são feitos dentro do Power CRM.

A vistoria pode ser realizada tanto em Android e também em IOS. Ela conta também com geolocalização e vídeo durante a vistoria. É um APP 100% seguro.

Vantagens de ter um CRM para associação de proteção veicular

Veja em quais outros aspectos o Power CRM  a melhorar seus processos de captações e fechamento de adesões:

  • agilidade no ciclo de captações;
  • redução de retrabalhos;
  • otimização de tempo;
  • mais clareza para fazer as propostas;
  • mais produtividade da equipe;
  • redução de custos operacionais;
  • melhor organização do fluxo de trabalho.

São muitas vantagens a considerar. Assim, ao fazer isso, tenha em mente que um CRM pode ser uma ferramenta imbatível para ajudar a escalar seu negócio e colocar sua associação no topo, entre as melhores — senão a melhor — do país!

Se esses motivos ainda não o convenceram, conheça outros benefícios que o Power CRM tem a oferecer à sua associação de proteção veicular. 

Hotlinks: tenha vários consultores e pague as comissões de forma automatizada

O Power CRM tem uma funcionalidade que permite que os consultores consigam captar novos leads: o hotlink.

O hotlink é um código único, vinculado à conta de cada consultor dentro do software. Esse link pode ser divulgado nas redes sociais, via e-mail marketing ou via aplicativos de mensagens instantâneas, como o WhatsApp. 

O CRM disponibiliza, inclusive, uma landing page que pode ser usada nos hotlinks. Landing page é uma página própria para cada consultor, totalmente personalizada, com a logo da associação e que pode alcançar um número maior de possíveis associados.

Dessa forma, essa página tem potencial para ser um diferencial na captação de associados, já a cotação é solicitada e a resposta enviada em minutos para o futuro associado. 

Com tudo integrado, ao fechar a adesão, a comissão já vai automaticamente para a conta do consultor. Bem assim: de forma simples e sem complicações!

Relatórios de toda a equipe em tempo real: eleve sua associação de proteção veicular a outro patamar

Outro benefício do Power CRM é que o gestor pode acompanhar o desempenho de sua equipe comercial em tempo real

Isso mesmo! O sistema gera relatórios que ajudam o gestor a verificar o andamento das negociações, as métricas que precisa para checar o desempenho do time (número de captações, de adesões etc.) e se algum de seus consultores precisa de um auxílio. Além disso, pode identificar negociações que precisam ser priorizadas. 

É possível fazer o acompanhamento geral ou de cada consultor. O gerenciamento em tempo real é, inclusive, uma forma de evitar que alguma adesão seja perdida, por exemplo. O gestor pode identificar oportunidades que o consultor pode não ter notado, ou até mesmo o timing certo para fechar algumas adesões. 

Sincronismo com o SGA

Que o Power CRM é completo você já percebeu. Mas ele extrapola muito o conceito de “completo”. A ferramenta é também totalmente integrada com o SGA (Sistema de Gerenciamento de Associações). Ou seja, no final da contratação da proteção, o Power CRM envia todas as informações para o SGA da sua associação. Não é show?

Esperamos que tenha gostado de nossa abordagem e das dicas sobre automatização de captações de associados.

Quer saber mais ou pedir o Power CRM para sua associação e voar alto no mercado? Entre em contato conosco!

Funil Comercial: Por que sua Associação de Proteção Veicular Precisa de Um?

Funil Comercial: Por que sua Associação de Proteção Veicular Precisa de Um?

funil de marketing comercial associação de proteção veicular

Um funil comercial é um sistema estratégico capaz de tornar ações comerciais mais acertadas, bem como ajudar na captação, adesão e fidelização de associados.

É um modelo fundamental para acompanhar a jornada de compra do potencial novo associado de proteção veicular.

Por isso, no Power CRM, software voltado ao segmento de associações de proteção veicular. A jornada começa na captação do lead até a adesão como associado.

Dessa forma, enquanto a jornada do consumidor associado de proteção veicular é acompanhada, ele vai sendo nutrido com conteúdos que o encaminham para fechar a adesão. 

Por isso, o funil comercial é tão importante, porque ele define de que forma os leads serão nutridos e receberão “auxílios” para seguirem na jornada. 

Então que tal saber mais sobre esse modelo estratégico e conhecer as vantagens para sua associação de proteção veicular? Continue a leitura!

A jornada do seu lead para se transformar em associado tem 4 etapas 

Primeiramente, entenda um pouco mais sobre como acontece a jornada de compra do consumidor no segmento de proteção veicular. 

Etapa 1: Visitante: está só espiando

Quando chega no topo do funil, ele ainda é visitante e ainda não conhece a solução que você tem. 

Ele chegou até sua associação por meio dos buscadores, de links patrocinados ou de indicação. 

Etapa 2: Lead: está rolando um clima

A esta altura, ele já se interessou pelo que você oferece. Inclusive, até deixa seus dados em troca de algo, como um material rico, por exemplo. Esse material pode ser um e-book, um infográfico etc. 

Sendo assim, este é o momento de começar a criar um relacionamento. Para isso, é preciso auxiliá-lo a identificar sua necessidade e a encontrar uma solução para resolvê-la. 

Etapa 3: Oportunidade: deu match!

associação de proteção veicular nova captação

O potencial associado já está em sua lista de e-mail marketing. Agora é hora de adotar uma abordagem mais direta.

Comece a nutri-lo com conteúdos que abordem sutilmente o seu negócio. Assim, você começa a posicionar sua associação como referência na área de proteção veicular.

Etapa 4: Associado: e foram felizes para sempre!

Ao chegar aqui, seu lead já decidiu pela adesão e já é associado. Mas isso não significa que o trabalho acabou.

Em outras palavras, aqui você deve adotar estratégias de fidelização de associado. Isso garante que ele repita o ciclo de adesão  futuramente ou que faça indicações. 

Funil Comercial: como utilizá-lo a favor de sua associação de proteção veicular

Sabe por que é importante focar no funil comercial? Porque ele é usado para a conversão de quem está interessado em seu negócio.

Ou seja, se você não captou uma pessoa para sua associação de proteção veicular, não foi porque ele não tem interesse no que você tem a oferecer. 

Ele pode ainda não estar maduro para decidir sobre a compra, pode ter incertezas e dúvidas, por isso mesmo que você vai guiá-lo pelas etapas do funil, até que ele tome a decisão.

Então, se o potencial associado pediu uma cotação e você vê que o cartão está lá, parado na pipeline do Power CRM, com o status de “negociação sem atividades”, é hora de instigá-lo a dar o próximo passo. 

Como ele ainda não se decida sobre a adesão, você vai nutri-lo com conteúdos que mostrem por que ele precisa da proteção veicular. É assim que funciona o funil. Você vai mostrando os caminhos.

Além disso, você pode fazer uso de gatilhos mentais, e explicar por que ele precisa com urgência, por exemplo.

O funil comercial pode melhorar bastante os processos comerciais de sua associação de proteção veicular, desde que tenha as estratégias certas, conforme veremos a seguir. 

4 estratégias fantásticas de Funil Comercial para otimizar seu processo comercial

1. Crie conteúdo relevante: mostre o quanto sua associação tem autoridade no assunto

O conteúdo é uma estratégia que funciona e que é eficaz para atrair potenciais associados ao seu funil comercial.

No entanto, não basta somente criar qualquer conteúdo e pronto. Acima de tudo, o conteúdo tem que ser relevante, por vários motivos.

Dentre eles citamos dois mais importantes:

  • você precisa convencer seu lead a avançar na jornada de compra do consumidor associado de proteção veicular; e
  • esse conteúdo tem que estar com e otimizado para ranquear nas primeiras posições do Google e dar visibilidade à sua associação.

Isso significa que é preciso dar informações importantes. Mostrar ao potencial associado que a associação tem o que ele precisa para resolver seu problema e se apresentar como autoridade no assunto, por exemplo. Tudo por meio de conteúdo otimizado para os motores de busca, como o Google. 

2. Tenha um site de navegação amigável: faça os olhos do usuário do seu site brilharem

Pode não parecer, mas a navegabilidade do site impacta sim, na captação de leads. 

Se for um site com um layout que funcione bem, com navegação amigável, botões grandes e bem posicionados, por exemplo, as chances de manter o lead interessado são maiores. 

Ninguém gosta de navegar em um site lento, carregado e com um visual não atrativo. 

Aliás, a velocidade de carregamento do site e essa navegação amigável e intuitiva, entre outros elementos, são fatores de ranqueamento nos mecanismos de busca. 

A experiência do usuário é um dos fatores mais em importantes atualmente. Tanto que há uma área em alta, UX Design, que trabalha somente para isso. O objetivo é que o usuário complete sua atividade no site no menor tempo possível e com poucos obstáculos. 

3. Incremente o conteúdo com ofertas exclusivas

associação de proteção veicular ofertas e promoções

Uma forma de fazer o lead avançar no funil é enviar ofertas e descontos exclusivos

Sabe aquele lead que citamos acima, em “negociação sem atividades” no Power CRM? Pois é, ele certamente dará um passo adiante se receber um desconto na adesão ou na primeira mensalidade. 

Às vezes nem precisa disso. Você pode, por exemplo, oferecer um plano mais econômico que o da cotação que ele fez. Dessa forma, ele está de volta à jornada de compra do consumidor associado de proteção veicular e mais próximo de tomar a decisão e optar pela adesão. 

Esse tipo de ação pode ajudar o lead a continuar sua trajetória no funil e concluí-la. Dessa forma, a associação consegue bater (e até ultrapassar) as metas e aumentar o número de adesões de associados. 

4. Esteja presente nas redes sociais com autoridade

Tenha uma coisa em mente: seu potencial associado está nas redes sociais

Então, adote uma estratégia para esses meios e crie um relacionamento com os seguidores. Eles representam grandes chances de chegarem ao todo do funil comercial da associação. 

Com postagens constantes no feed, vídeos, stories, reels, IGVT e outros recursos, sua associação pode:

  • divulgar os planos de proteção veicular;
  • fazer vídeos explicando como a associação opera;
  • tirar dúvidas e interagir com os seguidores qualificados;
  • gerar reconhecimento para a sua associação.

Um Funil Comercial feito sob medida para sua associação de proteção veicular

Com o Power CRM você consegue organizar o processo comercial de sua associação e acompanhar a jornada de compra no funil comercial

O Power CRM permite que sua associação:

  • capture leads com cotações automáticas no site;
  • envie a cotação diretamente no WhatsApp do lead;
  • acompanhe onde os leads estão na jornada de compra;
  • defina exatamente em qual lead focar para fazê-lo avançar pelo ciclo de adesões, dentre muitas outras funcionalidades.   

Ficou interessado na implementação do Power CRM? Indique ao Presidente de sua Associação de Proteção Veicular a solicitar um contato!

Como fazer a Gestão do Tempo de seus consultores de Proteção Veicular

Como fazer a Gestão do Tempo de seus consultores de Proteção Veicular

Após treinar a equipe comercial da associação de proteção veicular , é chegada a hora de “ir para campo”. Ou seja, é hora de captar e fechar adesões. 

Assim, com metas estabelecidas, é preciso organizar as tarefas e gerenciar o tempo

Por que é importante ensinar Gestão do Tempo para seus consultores

A gestão do tempo, aliás, é uma forte aliada em processos comerciais, uma vez que equilibra e otimiza o tempo gasto em operações. 

Assim, se chega a um parâmetro e não se desperdiça muito tempo nem se faz uma captação rápida e muitas vezes não tão bem feita. 

Com esse objetivo, selecionamos algumas estratégias de como aumentar a produtividade da equipe comercial de associação de proteção veicular, fazer uma gestão do tempo eficiente, bem como algumas ferramentas úteis nesse processo, como as que auxiliam com a gestão de tempo e com o relacionamento com o cliente (CRM).

Acompanhe!

Gestão do tempo: 5 táticas para a equipe alcançar voos de águia

A gestão do tempo é uma série de técnicas utilizadas para melhorar a realização de tarefas e aumentar a produtividade e eficiência da equipe de consultores. 

Com a adoção dessas táticas, aliadas a ferramentas de gestão do tempo que auxiliam o cumprimento das tarefas, é possível colher melhores resultados dentro dos prazos estabelecidos. 

Conheça algumas dessas técnicas de gestão do tempo:

1. Planejamento: traga sua equipe para perto de você

Se você tem dúvidas sobre como aumentar a produtividade da equipe comercial da sua associação de proteção veicular e torná-la mais eficiente, e não sabe por onde começar, aqui vai a primeira dica: comece pelo planejamento. 

Planeje junto com a equipe, assim o time se sente parte do processo e há mais chances de aumentar a produtividade. Além disso, eles conseguem ver o todo e como acontece o processo de distribuição de tarefas — e participar disso os torna mais comprometidos com o trabalho.

Dica de ferramenta: 5W2H

Para planejar, você pode usar a ferramenta 5W2H, que organiza as ações a serem desenvolvidas da seguinte forma:

  • What (objetivo/meta) – o que fazer?
  • Why (motivo/benefício) – por que fazer?
  • Who (responsável/equipe) – quem vai fazer?
  • When (data/cronograma) – quando fazer?
  • Where (local/departamento) – onde fazer?
  • How (atividades/processos) – como fazer?
  • How much (custo/quantidade) – quanto vai custar?

No contexto das associações de proteção veicular, o 5W2H pode ajudar a planejar um aumento nas captações ou uma ação para trabalhar com as cotações que estão encalhadas. 

2. Priorize as tarefas dos seus consultores: cada coisa no seu tempo

Feito o planejamento, é hora de priorizar as tarefas. Este passo é fundamental para a definição do que precisa ser feito com mais urgência. Assim, a equipe não fica gastando tempo com atividades que podem ser feitas mais adiante e com mais calma.

Dizemos isso porque sempre há atividades que precisam ser resolvidas no mesmo dia e outras que podem esperar um pouco mais. 

Se tiver problema para priorizar as ações, no tópico final vamos falar sobre uma ferramenta de priorização que é bastante útil para a definição desta etapa. As prioridades podem, inclusive, serem marcadas no software de CRM. 

O Power CRM, por exemplo, desenvolvido totalmente para o segmento de proteção veicular, tem essa opção. Assim, os consultores responsáveis saberão o que fazer primeiro (como a quais cotações em andamento dar prioridade) e organizarão melhor o seu tempo. 

3. Defina metas: pense alto, mas não viaje na maionese

Metas são importantes para manter o foco, a motivação e, ao final, dar a sensação de dever cumprido

Exemplos de Metas para Associações

Estabeleça quantas adesões o seu consultor deve alcançar mensalmente (ou no período que você determinar). Mas atenção: as metas precisam ser alcançáveis. 

Coisas muito fora do alcance podem frustrar o consultor, além de ocupar um tempo que ele poderia estar usando para traçar estratégias para o cumprimento de metas mais acessíveis. 

4. Delegue as tarefas: você é o líder, mas divida o trabalho

Estabelecidas as prioridades, delegue tarefas entre a equipe. Não deixe por conta, para que cada um pegue o que quiser. 

Além de injusto, pois os primeiros podem pegar as consideradas mais fáceis, não demonstra que você é um líder e que, como tal, guia o seu time para ações bem-sucedidas. 

Essa também é uma funcionalidade encontrada no Power CRM. Desse modo, as tarefas são destinadas aos consultores definidos pelo gestor, e a partir dali há um melhor controle de quem está avançando e gerenciando melhor seu tempo. 

Isso, aliás, você consegue com a ferramenta de planejamento que mostramos no passo 1 — só levar de lá para o CRM.

5. Organize as pausas: descanse sua equipe para voltar com tudo!

Tão importante quanto focar e fazer as coisas acontecerem, é dar um tempo das atividades e relaxar a mente

Organize horários com intervalos predefinidos — assim, a equipe para por alguns minutos, troca uma ideia, toma um café, come um lanche e repõe as energias para voltar ao trabalho. 

Mas, se for um líder mais flexível, permita que seus consultores decidam quando quiserem fazer suas pausas. 

Nesse sentido, as pausas são fundamentais para recuperar a criatividade e a disposição

Como  bombar a produtividade da equipe comercial de associação de proteção veicular: 5 passos essenciais

Na sequência de dicas e técnicas para um melhor trabalho com a equipe comercial, alguns passos são necessários para dar aquele impulso e aumentar a produtividade do time de captações. 

Veja 5 dicas de como aumentar a produtividade da equipe comercial de associação de proteção veicular:

1. Motive e lidere: não só fale, seja exemplo!

O papel do líder é fundamental para motivar a equipe, explorar seus pontos fortes, ajudar na organização de tarefas e gestão do tempo e levar em direção a  resultados satisfatórios. 

Então seja a pessoa em quem a equipe sabe que pode confiar e encontrar suporte para os momentos em que precisar de ajuda. Personifique essa figura: incentive, critique de forma construtiva, ajude seus consultores a crescerem dentro da associação

2. Crie um bom ambiente organizacional e conquiste sua equipe

Um bom ambiente organizacional faz com que os consultores se sintam aconchegados e confiantes para desempenhar suas funções de forma eficaz

Às vezes o ambiente pode estar meio carregado de preocupações, estresse e ansiedade. Dê uma parada de uma meia hora, converse, mostre algo engraçado, seja criativo em formas de deixar o clima mais leve. 

Caso esteja perto do final do expediente, marque um happy hour com a turma — mas atenção: tome os cuidados necessários, ainda estamos em meio a uma pandemia. 

3. Pense no bem-estar e qualidade de vida dos consultores: seja parceiro!

Mostre à equipe o quanto eles são importantes para a associação. Mas, faça isso também em ações: preocupe-se com a ergonomia, com a saúde e com a segurança dos consultores

Disponibilize cadeiras, teclados e mouse pads ergonômicos, descanso para pés e tudo que deixe o consultor mais confortável e seguro para desempenhar suas funções. 

Outra ótima ideia: promova um dia de massagem relaxante, contrate um massoterapeuta que vá até o local — certamente sua equipe vai amar. 

4. Seja flexível: mostre humanidade

Um consultor não está se sentindo bem? Deixe-o ir para casa, repousar e se recuperar. Algumas horas não farão tanta diferença para a associação, mas farão para ele. 

Outro consultor não tem com quem deixar o filho? Deixe-o trabalhar de casa. A pandemia mostrou como também é possível ser produtivo em home office

5. Recompense e veja os olhos de seus consultores brilharem!

Crie um sistema de recompensas por produtividade. Incentive, exija e bonifique os resultados. 

Pode ser bonificações em dinheiro, mas também pode ser um final de semana em um hotel, um vale-presente, uma cesta de café da manhã ou de produtos diversos. Há muitas ideias para isso. Inclusive, você pode personalizar: bonifique com itens que você sabe que o consultor apreciará. 

Você pode achar que isso não está ligado à gestão tempo. Não está diretamente, mas, indiretamente, fará toda a diferença na rotina da associação. Com consultores satisfeitos e motivados, a gestão do tempo pode ser melhor aplicada e garantir os melhores resultados.

Esses são só alguns exemplos, pois há muito mais recursos que ajudam muito na gestão do tempo. Quer saber mais sobre o Power CRM? Convide o Presidente de sua associação a falar com um de nossos consultores

Associação de Proteção Veicular: Guia de Treinamento de uma Equipe Vencedora

Associação de Proteção Veicular: Guia de Treinamento de uma Equipe Vencedora

treinamento de equipe de associação de proteção veicular

Independentemente do porte ou da natureza do negócio, o treinamento de equipe não pode ser subestimado. 

Afinal, é esse treinamento que os transformará em melhores colaboradores e suporte que toda associação precisa

Primeiramente, é preciso entender que sob o guarda-chuva da gestão de pessoas está o treinamento e desenvolvimento (T&D), que ajuda a criar equipes de alta performance, comprometidas em captar e direcionar potenciais associados à adesão de proteção veicular. Por isso, um dos pontos mais importantes consiste em ter a abordagem certa para treinar o seu time de comercial.

E é claro, que uma ajuda sempre vem bem, não é mesmo? Então acompanhe as dicas e sugestões que separamos para que você tenha sucesso ao treinar seu time vencedor!

Tipos de treinamento para sua equipe comercial: Entenda quais os principais

Antes de tudo, saiba que o treinamento de equipe de uma associação de proteção veicular ajuda na captação de associados de várias formas. 

Por isso, considere aplicar todos eles em sua equipe. São eles:

  1. Operacionais: Treine as competências técnicas (hard skills)

O treinamento operacional envolve o desenvolvimento e aperfeiçoamento das chamadas hard skills, ou seja, os aspectos mais técnicos da atuação da equipe. 

Primordialmente, esses aspectos englobam informações sobre produtos, rotinas e procedimentos, treinamentos de CRM da associação e muitos outros relacionados ao que a equipe exerce em sua rotina de trabalho. 

  1. Treinamento comportamental: não deixe de lado as soft skills

Em contrapartida, para contrabalancear as hard skills, este tipo de treinamento de equipe trabalha com as soft skills, que são as habilidades comportamentais

Essas habilidades são importantes porque tratam de uma análise sobre questões emocionais e sua influência no ambiente organizacional e até mesmo você se conectar na hora de conversar com seu associado. 

Lista de algumas soft skills: 

  • relacionamento interpessoal;
  • gestão de conflitos;
  • trabalho em equipe;
  • flexibilidade e adaptação a mudanças;
  • boa comunicação;
  • atitude positiva;
  • motivação; dentre outras. 

Além disso, trabalham com a preparação da equipe para desenvolver atitudes que são essenciais no relacionamento com colegas de trabalho e associados, como empatia, comunicação fluida, forma de encarar conflitos etc. 

treinamento de equipe comercial de associação de proteção veicular
  1. Treinamento de habilidades: foque na comunicação e autoconfiança de seus colaboradores

Neste tipo de treinamento são trabalhados aspectos que ensinam os colaboradores a terem um bom desempenho na hora de se expressar, de negociar com potenciais associados e a se sentirem mais confiante nas operações de forma geral. 

3 ideias certeiras para treinar equipe de associação de proteção veicular

Como treinar equipe comercial da sua associação de proteção veicular de forma eficiente? Separamos algumas ideias que ajudarão a equipe a corresponder às expectativas e ajudar a associação a alcançar bons resultados.

1. Realize dinâmicas em equipe e simule situações cotidianas nas negociações

Uma das maneiras mais eficazes de como treinar equipe de associação de proteção veicular é realizar dinâmicas que envolvam situações que normalmente acontecem nas negociações.

Exemplo Prático

Um exemplo: um dos erros mais comuns em captações é não estar munido de argumentos para usar após a primeira recusa e fazer perguntas fechadas, que possam ser respondidas apenas com “sim” ou “não”.

Por exemplo: 

✘ Enviei a cotação, você já tem uma decisão? Vamos fechar a adesão? (Sim/Não)

✔ Enviei a cotação, tenho a certeza de que contempla tudo o que você precisa. O que você acha? (A pessoa responde, dando oportunidade de o colaborador identificar se há indecisão ou dúvida e argumentar de forma persuasiva).

Sendo assim, para treinar essa habilidade, simule situações que estimulem o raciocínio rápido para evitar esses erros. 

2. Treine gatilhos mentais e saia na frente na hora da captação

A persuasão é um dos grandes trunfos que temos para captar associados. Por meio de gatilhos mentais é mais fácil influenciar alguém. Veja exemplos de gatilhos:

  • Urgência: é preciso ter uma proteção agora, quanto mais tempo esperar, maiores são as chances de acontecer algum evento. Além disso, o valor da cotação é válido por N dias, após o período, pode sofrer alterações;
  • Necessidade: é preciso porque não dá para deixar o veículo sem proteção;
  • Escassez: ter uma oferta promocional com poucas “vagas”;
  • Prova social: citar depoimentos de outros associados, falando sobre os benefícios.

Assim, quando bem trabalhados, esses gatilhos levam a pessoa a realizar a ação que desejamos, em nosso caso, a adesão como associado. 

3. Torne seus colaboradores experts nas ferramentas utilizadas

Antes de mais nada, saiba que quanto mais os colaboradores conhecerem o produto, o mercado e as ferramentas que utilizarão, mais feras sobre as captações e negociações eles serão

Sendo assim, nada melhor do que proporcionar intensivos sobre o uso do software de CRM, por exemplo, além de outros recursos essenciais à rotina de trabalho — como atendimento telefônico, uso correto do computador etc.

Além disso, se pode treinar também as habilidades interpessoais, como citamos nos tipos de treinamento. 

Exemplo: um colaborador pode fazer contato telefônico com uma pessoa que esteja em um momento de irritação, e ela pode direcionar isso ao colaborador. Dessa forma, nesse atendimento ele vai precisar de habilidades como paciência, empatia e boa comunicação. 

Por isso, voltamos a frisar, as habilidades comportamentais são tão importantes quanto as técnicas, então não as deixe de lado. 

Papel do Líder no Treinamento de equipe comercial: 5 passos para seguir com sua equipe

 5 passos para seguir com sua equipe

Liderança e motivação são dois pontos essenciais quando se trata de treinamento de equipe. O líder tem papel importante nesse contexto, pois cabe a ele incentivar e motivar seu time. 

Mas, como fazer isso? Veja 5 sugestões:

1. Ofereça um bom ambiente de trabalho

Um bom ambiente organizacional estimula a produtividade e o engajamento da equipe

Do mesmo modo, além de um espaço tranquilo para o desempenho de suas funções, pequenas celebrações (como a de aniversários) e interações entre os colaboradores ajudam a criar um ambiente acolhedor e familiar.

2. Jogue a moral do seu time lá para o alto

Pegue os resultados positivos e transforme-os em feedbacks de incentivo. Por vezes, mande e-mails ou reúna os colaboradores e diga o quanto a associação está satisfeita pelos resultados. Além disso, sempre os lembre de que bons resultados para associação significam bons resultados para os colaboradores.

O incentivo pode também vir em forma de prêmios ou bônus, afinal, nada mais compensador do que ser premiado pelo seu esforço. 

Mas não pense que falamos somente em dinheiro. Uma caneca criativa, uma camiseta ou qualquer outro tipo de agrado pode significar muito para quem recebe — o importante é o reconhecimento.

3. Afie os bicos de sua equipe de águias periodicamente

Ao treinar equipe de associação de proteção veicular, você estará proporcionando todo o essencial para que eles desempenhem com qualidade suas funções. 

No entanto, não basta apenas um treinamento. A capacitação tem que ser constante. Quanto mais promover oportunidades de aperfeiçoamento, mais perto chegará de ter uma equipe de alta performance.

Também não precisa ser algo muito cansativo, às vezes uma mini palestra já é suficiente após um treinamento longo. 

4. Permita que cada um tenha sua rotina

Captar associados e fechar adesões são trabalhos desgastantes. Assim, quanto mais o colaborador se sentir à vontade ou fazendo as coisas no seu tempo, mais fácil é para ele desempenhar sua função.

Já existem as metas a serem batidas, não imponha mais exigências. Desde que ele siga os combinados e alcance os objetivos propostos, tudo está certo.

Mas, se ligue: não se trata de deixar fazer o que ele quiser, e sim, de dar um pouco de moral para que ele se organize de sua maneira. 

Respeitar o tempo e forma com que cada um desenvolve suas tarefas pode dar muito mais resultados do que engessar demais os processos — desde que não vire bagunça, é claro! 

Isso também não significa que não seja preciso ter uma gestão do tempo. Essa flexibilidade pode ser, inclusive, em relação a isso. Exemplo: determine que os colaboradores podem ter duas paradas para descanso nos períodos de trabalho e que eles podem escolher quando parar. 

5. Crie programas de bonificação: dê moral para quem está engajado

O que você sabe sobre gamificação? Trata-se de levar o conceito de jogos para situações de trabalho. Ganhar energia, perder energia, ganhar vidas, ganhar medalhas, pontos…esse universo pode ajudar a criar um programa de bonificação. 

Exemplo: 

Se captar um associado = ganha 5 energias, se fechar a adesão = ganha uma vida. Ao chegar a cinco vidas (cinco captações) ganha um bônus. 

Estimular a competitividade saudável pode dar ótimos resultados

Esperamos que tenha gostado deste conteúdo sobre treinamento de equipe vencedora! Em nosso blog há muito mais conteúdos interessantes, acompanhe e se atualize!